Archive for documentários

Amor livre é necessidade biológica de sobrevivência da espécie

Os homens do mundo estão acabando. O excesso de estrogênio em substâncias criadas pelo homem como agrotóxicos, plásticos, latas de comida e outros, estão contaminando toda a cadeia alimentar que multiplica a concentração ao longo do processo, chegando ao seu máximo no topo da cadeia alimentar: o homem.

A fertilidade masculina está em xeque, a contagem de espermatozoides é maior em homens de 40 anos do que de 20. Nascem muito mais mulheres do que homens porque o estrogênio entra na placenta na formação do feto através de outras proteínas que não são barradas como acontece com o estrogênio puro.

Além disso, os homens estão cada vez mais femininos, bebês muito expostos desenvolvem gostos semelhantes com das meninas, não jogam tanto futebol, tem mais amigas mulheres e talvez isso explique o crescimento exponencial de homens homossexuais.

Por um lado é muito triste que a fertilidade humana possa vir a acabar e a nossa raça seja destruída para que algumas pessoas possam ter mansões de 50 quartos e tomar Veuve Clicot no café da manha. Por outro, pode ser positivo porque se continuarmos crescendo e consumindo dessa maneira precisaremos de 4 planetas em 2050. A humanidade tem que parar de crescer ou mudar de mentalidade. Me assusta o futuro que vem pela frente.

Vai ser tipo filme!

E não tem jeito, as ciumentas vão sofrer muito ainda. Pela sobrevivência da espécie, os homens férteis terão que ser divididos e as previsões muçulmanas de haréns pós-morte serão realizadas no lado de cá. Bando de kamikaze otário.

Mais informações nesse documentário da BBC lançado há 11 anos atrás. Na época a circulação do filme foi proibida pelas grande empresas químicas, hoje está no Youtube.